O Exército Brasileiro e a Conferência dos Exércitos Americanos - Ciclo XXXV

English

Español

A Conferência dos Exércitos Americanos (CEA), organismo de caráter internacional, foi criada em 1960 com o objetivo de se tornar um fórum de debates para o intercâmbio de experiências entre os Exércitos do continente americano. Atualmente, é composta por 23 Exércitos Membros, 4 Exércitos Observadores e 2 Organismos Internacionais Observadores.

Continuar lendo
  1098 Acessos
  1 comentário
Comentários Recentes neste post
Visitantes — Paulo Maia
Faltaram fotos ilustrando entre os textos ia ficar top
Quarta, 20 Abril 2022 09:25
1098 Acessos
1 comentário

A coesão na carreira do sargento

A palavra “coesão” tem origem no latim “cohaeso” e apresenta os seguintes significados: “intimamente ligado”, “fortemente unido”, “formar um todo” e “harmônico”.1

Continuar lendo
  3713 Acessos
  44 comentários
Comentários Recentes
Visitantes — Marcelo Fontella de Moraes
Meu grande amigo parabéns pelo excelente texto, proveniente das experiências vividas na caserna claro. O silêncio fala mais que mi... Leia Mais
Segunda, 25 Abril 2022 21:11
Visitantes — ST Estéfano Martins Guimarães
Excepcional Irmão. Para nós que temos a honra de te conhecer de perto, já era esperado tal dedicação e comprometimento em prol do... Leia Mais
Sexta, 22 Abril 2022 12:22
Visitantes — David França
O incentivo proporcionado pelo EB às últimas gerações de graduados difere do tratamento recebido pelos antecessores, proporcionand... Leia Mais
Sexta, 22 Abril 2022 12:02
3713 Acessos
44 comentários

Exercitando-se para operações de paz do presente e do futuro: a importância de se participar do Exercício VIKING 2022

Quando, em dezembro de 2020, a Marinha do Brasil concluiu a sua participação na Força-Tarefa Marítima da UNIFIL (Força Interina das Nações Unidas no Líbano), no Líbano, era como se tivesse se encerrado um ciclo de participações brasileiras em Operações de Paz (OP) sob a égide das Nações Unidas. Este ciclo teve início em 2004, com a criação da MINUSTAH (Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti), na qual o Brasil foi, por mais de 13 anos, o país que mais contribuiu com tropas e também manteve por todo este período a liderança militar da missão. Nestes quase 20 anos desde a criação da MINUSTAH até a retirada da Fragata brasileira da UNIFIL, as Forças Armadas Brasileiras, e o Exército Brasileiro em particular, desenvolveram grande experiência em diversos aspectos de uma OP. Dois Centros de Preparação (o Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil - CCOPAB e o Centro de Operações de Paz de Caráter Naval - COpPazNav) foram criados e pode-se dizer que o Brasil se inscreveu no campo das OP como referência tática, operacional e doutrinária.

Continuar lendo
  611 Acessos
  0 comentários
611 Acessos
0 comentários

A experiência brasileira em Operações de Desminagem Humanitária e o Grupo de Monitores Interamericanos (GMI) na Colômbia

 

Em 2005, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu a data de 4 de abril o Dia Internacional de Sensibilização Contra as Minas Antipessoal. Segundo o organismo, todos os anos, as minas terrestres matam milhares de pessoas – a maioria crianças, mulheres e idosos – e mutilam gravemente inúmeras vítimas. Espalhados por cerca de 59 países, os campos minados são uma lembrança constante de conflitos ocorridos no passado, sem perder seus efeitos sobre a paz. A presença de minas inviabiliza o uso econômico das áreas afetadas, tornando-as inacessíveis à população e restringindo o desenvolvimento econômico e social dos países afetados.

Continuar lendo
  1022 Acessos
  2 comentários
Comentários Recentes
Visitantes — Mario Andrade
Bom dia Coronel. Excelente trabalho do Exército Brasileiro. Parabéns. ???????????????
Terça, 19 Abril 2022 09:11
Visitantes — Ronald Felipe de Paula Santana
Excelente síntese, Coronel! Esse tipo de informação contribui para a difusão da importância daquilo nossos militares da Arma Azul ... Leia Mais
Sexta, 08 Abril 2022 17:25
1022 Acessos
2 comentários

Os Vikings estão chegando…

Comumente utilizado para se referir ao povo escandinavo, que explorou e colonizou grandes regiões nórdicas da Europa e ilhas do Atlântico Norte, esse termo consagrou guerreiros, comerciantes e exploradores que tiveram o auge da sua atuação e expansão entre os séculos VIII e XI.

Continuar lendo
  784 Acessos
  1 comentário
Comentários Recentes neste post
Visitantes — Fernando
Parabéns aos ensaístas que trataram do tema Missões de Paz, em especial sobre o Exercício Viking. No entanto, após diversos ensaio... Leia Mais
Quarta, 06 Abril 2022 22:44
784 Acessos
1 comentário