“SAÚDE ÚNICA” E OPERACIONALIDADE NAS MISSÕES DE PAZ: O PAPEL ESTRATÉGICO DO VETERINÁRIO MILITAR

 O Brasil tem tido atuação importante na ONU e sua participação em Missões de Paz com tropa é crescente.

O Brasil tem tido atuação importante na ONU e sua participação em Missões de Paz com tropa é crescente. Doenças infecciosas tem sido um desafio permanente para os militares de vários países desdobrados em áreas de conflito, em especial as zoonoses, que se caracterizam como doenças infeciosas transmitidas de animais vertebrados para humanos e vice-versa.

Continuar lendo
  997 Acessos
  1 comentário
997 Acessos
1 comentário

Zoo do CIGS - Centro de Instrução de Guerra na Selva - Patrimônio da Amazônia e do Exército Brasileiro

 

O Zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva – “Zoo do CIGS” – foi criado em 1967 para suprir demanda dos Cursos de Operações na Selva (COS) do CIGS. O  atual Centro de Pesquisas da Fauna e da Flora da Amazônia (CPFFA) tornou-se referência nacional em medicina de animais selvagens e, ainda, uma atração turística, a segunda mais visitada da cidade de Manaus.

Continuar lendo
  1205 Acessos
  1 comentário
1205 Acessos
1 comentário

Você assistiu ao jornal ontem?

Caso não tenha assistido ao jornal ontem, peço não mais do que cinco minutos de sua atenção para informar-lhe do ocorrido, afinal, o homem moderno tem que se manter atualizado. A imprensa noticiou uma...
Continuar lendo
  3284 Acessos
  9 comentários
3284 Acessos
9 comentários

Vitória da FEB em Fornovo - 28 Abr 1945

Em Fornovo, renderam-se a 148ª Divisão de Infantaria e elementos da 90ª Divisão Panzergrenadier, ambas alemãs, e remanescentes da Divisão Bersaglieri, italiana, cerca de 15 mil prisioneiros. No TO ita...
Continuar lendo
  1403 Acessos
  0 comentários
Marcado em:
1403 Acessos
0 comentários

Violência: problema estratégico não se cura com tática


Segundo o Atlas da Violência, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), o Brasil registrou 59.080 homicídios em 2015 e 62.517 em 2016. Já em 2017, de acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, houve 63.880 casos. Grande parte dos homicídios dolosos está relacionada diretamente ao narcotráfico e é fruto de disputas entre facções criminosas, cobranças de dívidas, batalhas internas das facções, confronto em operações policiais, balas perdidas, entre outras causas.

Continuar lendo
  2095 Acessos
  6 comentários
2095 Acessos
6 comentários